• 83ab251c9fc76cfb
17 de Dezembro de 2018

Icone show ciencia tecnologiaCiência & Tecnologia

SergipeTec
23:00
25/01/2018

Empresa instalada no SergipeTec é única sergipana classificada em Edital do BNB

 

Acone foi selecionada no Edital Fundeci de Inovação

 

A Acone – assessoria e consultoria, empresa instalada no Sergipe Parque Tecnológico (SergipeTec), foi selecionada no Edital Fundeci 02/2017 – Produtividade e Competitividade, do Banco do Nordeste (BNB). Específicos a Inovações Tecnológicas e Organizacionais para Incremento da Produtividade e Competitividade nos Setores Produtivos, o Edital visa fomentar, com recursos não reembolsáveis, projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I), por meio de convênios com instituições públicas e privadas, sem fins lucrativos.

Há 17 anos no mercado, a Acone atua na governança do Sistema Único de Saúde (SUS) na capital e no interior de Sergipe.

De acordo com José Roberto Oliveira, sócio-administrador da empresa, a proposta é oferecer aos estados e municípios, de todos o país, ferramentas de gestão e de desenvolvimento de planos de saúde.

 

“A execução do nosso trabalho é sempre baseada em evidências, com o intuito de orientar as políticas e ações de saúde, dando aos gerentes das unidades públicas de saúde [unidades básicas, diagnósticas ou hospitais, na capital e em 18 municípios sergipanos], a autonomia e liberdade suficientes e necessárias para planejar e ofertar serviços, definir seus orçamentos e realocar recursos ou gerenciar insumos.

Sobre a nossa participação nesse Edital Fundeci 02/2017 – Produtividade e Competitividade, do BNB, foi uma conquista muito feliz!

Já é o nosso terceiro projeto de Inovação, nos últimos seis anos! E esse teve um ‘sabor’ ainda mais especial, por sermos a única empresa classificada em Sergipe.

Isso reforça o nosso compromisso, empenho e dedicação, em termos empresariais e sociais.

Vale ressaltar que nós obtivemos conhecimento dessa modalidade de projeto mediante o nosso convívio no SergipeTec, que tem uma participação fundamental no desenvolvimento e ampliação dos nossos negócios, orientando-nos a novos horizontes e mercados”, destaca Beto.

 

De acordo com o gestor de Negócios do SergipeTec, Marcelo Dósea, um dos vários papeis do Parque Tecnológico é criar, desenvolver e fortalecer a rede contatos e de ideias entre as empresas de base tecnológicas, instaladas no Parque e instituições de fomento e desenvolvimento de projetos (de produtos e serviços).

 

“Essa conquista da Acone mostra a importância de acreditar e perseverar na submissão de projetos e editais de fomento. Editais com recursos não reembolsáveis, como este do BNB, estão cada vez mais escassos, devido a seu custo e à forma de obtenção dos recursos.

Por isso, quando aparece uma oportunidade como esta, o empreendedor deve estar preparado para a submissão, com um projeto pré-formatado. Aqui, no SergipeTec, damos esse apoio ao empreendedor na submissão de propostas a editais para que empresas, como a Acone, possam obter êxitos em suas pretensões e ampliar seus negócios”, pontua Marcelo.

 

Inovação científica e tecnológica
Estar instalada no SergipeTec e ser a única empresa sergipana classificada nesse Edital de Inovação do BNB, segundo o presidente do SergipeTec, Manoel Hora, são dois fatos bastante significativos e motivadores, por mostrar que o Parque está indo pelo caminho certo.

 

“A Acone é um dos nossos casos de sucesso! Para o SergipeTec, é uma conquista muito feliz e merecida, e também a demonstração de que a Acone é uma empresa competente, que começou e cresceu dentro e junto com o SergipeTec.

Portanto, o Parque sente-se participante desta conquista e, mais do que isso, ficamos muito felizes por a Acone  estar crescendo e galgando posições importantes nos meios científico, tecnológico e econômico, no Nordeste e no Brasil”, comemora Manoel.

 

Políticas de desenvolvimento
Os projetos classificados pelo edital contemplam qualquer setor de atividade produtiva, seja rural (pecuária, agrícola), industrial, tecnologia da informação e comunicação (TIC), comércio, serviços, meio ambiente, infraestrutura, administração, marketing, entre outros, como explica o gerente executivo estadual de Desenvolvimento Territorial do BNB, João Eudes Lauriano.

 

“A Acone e os demais projetos apresentados têm como finalidade a criação ou o desenvolvimento de produtos, serviços ou processos, além da agregação de novas funcionalidades ou características a iniciativas que já existem.

O objetivo é sempre levar melhorias, ganho de qualidade e ampliar o bom desempenho do setor produtivo na região Nordeste”, finaliza.