• 83ab251c9fc76cfb
19 de Novembro de 2018

Notícias

AAN
10:44
10/09/2018

Acesso à avenida Nestor Sampaio será alterado a partir desta quarta-feira, 12

Conforme anunciado anteriormente, a partir da próxima quarta-feira, 12, o condutor que segue pela avenida Augusto Franco, no sentido zona Sul da cidade, não poderá mais entrar à esquerda para acessar a avenida Padre Nestor Sampaio, no bairro Ponto Novo.

0b1db12a8c1a53b3

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) de Aracaju está propondo a mudança de circulação para reduzir os congestionamentos na avenida Augusto Franco causados pelo retorno. 

A partir dessa data, o condutor que segue pela avenida Augusto Franco e deseja acessar a avenida Nestor Sampaio terá duas opções: ele poderá retornar no viaduto do Detran, seguindo pela avenida Augusto Franco e fazendo a manobra embaixo do viaduto; e poderá entrar à direita após o cruzamento, na rua Francisco de Assis Delmondes (ao lado da EMURB), e seguir pela rua João Soares Nascimento (atrás do GBarbosa) até chegar à avenida Nestor Sampaio. 

O diretor de Trânsito da SMTT, Thiago Alcantara, informa que haverá a retemporização dos semáforos do cruzamento.

"Toda a sinalização vertical e horizontal está sendo refeita para a nova regra de circulação e nós iremos reduzir o tempo dos semáforos. Vale lembrar que os demais acessos permanecem os mesmos, essa é a única mudança no local, por enquanto, e os nossos agentes estarão no local para orientar os condutores e organizar o trânsito nos primeiros dias", disse.

O superintendente interino da SMTT, Renato Telles, explica os motivos da nova proposta de circulação.

 

"Os condutores sempre reclamam dos congestionamentos naquele local. A nossa equipe fez um estudo e concluiu que a lentidão era causada por aquele acesso à avenida Nestor Sampaio, por isso, resolvemos propor a manobra em forma de laço de quadra. Após a mudança, continuaremos avaliando o local e os resultados alcançados. Também estamos abertos a sugestões e críticas dos moradores do Ponto Novo", afirma o superintendente.