• 83ab251c9fc76cfb
21 de Agosto de 2018

Saúde

ASN
22:09
20/02/2018

Saúde do Estado divulga calendário de vacinação para 2018

 

As datas propostas pelo Ministério da Saúde são, por enquanto, provisórias, podendo haver alterações

A Secretaria de Estado da Saúde, através do Programa Estadual de Imunização, divulgou nesta terça-feira, 20, o calendário de vacinação para este ano de 2018.

Duas campanhas serão realizadas, sendo uma contra a gripe Influenza, e outra chamada de Segmento, contra o sarampo e a pólio, como informou a coordenadora do programa, Sândala Teles Oliveira.

As datas propostas pelo Ministério da Saúde são, por enquanto, provisórias, podendo haver alterações.

De acordo com o calendário, a campanha de vacinação contra Influenza vai ocorrer no primeiro semestre do ano, com o período de realização previsto para começar em 16 de abril e seguir 25 de maio, com o Dia “D” marcado para cinco de maio.

O público-alvo prioritário da campanha contra a Influenza deve seguir a mesma indicação das edições anteriores, ou seja, devem ser imunizados idosos, gestantes, puérperas, profissionais da área de saúde, professores e crianças a partir de dois anos de idade.

No segundo semestre será a vez da campanha de Segmento, assim chamada por ter o objetivo de reforçar a imunização contra o sarampo e a pólio.

 

“A cada quatro anos acontece a campanha de Segmento que visa exatamente reforçar a imunização de crianças com idade entre um ano e menos de cinco anos”, explicou a coordenadora.

 

A campanha de Segmento vai acontecer no período de seis a 24 de agosto, tendo o 11 de agosto como o Dia D.

 

“Nossa expectativa é a de que a população responda positivamente às campanhas. Precisamos ampliar a boa cobertura vacinal”, considerou Sândala Teles.

 

Imunobiológicos
A Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos está funcionando normalmente no Centro Administrativo Senador Gilvan Rocha, onde está armazenado, sob temperaturas que variam entre 2 a 3,5 graus centígrados, todo o estoque dos 44 tipos de imunobiológicos que estão sob a responsabilidade da Secretaria de Estado da Saúde.

São vacinas, soros e imunoglobulina que são distribuídos mensalmente para todos os 75 municípios sergipanos.