• 684f35eaf23b3199
20 de Maio de 2019

Icone show culturaLiteratura

Redação
04:20
12/03/2019

Companhia das Letras publica nova edição de ‘Grande sertão: veredas’

Publicado originalmente em 1956, Grande sertão: veredas (Companhia das Letras, 552 pp, R$ 84,90), de João Guimarães Rosa, revolucionou o cânone brasileiro e segue despertando o interesse de renovadas gerações de leitores.

Ao atribuir ao sertão mineiro sua dimensão universal, a obra é um mergulho profundo na alma humana, capaz de retratar o amor, o sofrimento, a força, a violência e a alegria.

A848bc92c2b7d175

A capa do volume é reprodução da adaptação em bordado do avesso do Manto da apresentação, do artista Arthur Bispo do Rosário, com nomes dos personagens de Grande sertão: veredas

Esta nova edição conta com novo estabelecimento de texto, cronologia ilustrada, indicações de leituras e célebres textos publicados sobre o romance, incluindo um breve recorte da correspondência entre Clarice Lispector e Fernando Sabino e escritos de Roberto Schwarz, Walnice Nogueira Galvão, Benedito Nunes, Davi Arrigucci Jr. e Silviano Santiago.

Dispostos cronologicamente, os ensaios procuram dar a ver, ao menos em parte, como se constituiu essa trama de leituras.

O projeto gráfico conta com desenhos originais de Poty Lazzarotto, que ilustrou as primeiras edições do livro.