• F9fb45c18d8bfc00
  • 117370fc98312d4c
  • 5b7ad8a92a7264b8
27 de Outubro de 2020

Icone show culturaCinema

Edição: Hugo Julião
17:37
02/10/2020

Festival de Cinema de Berlim reconhece que seu fundador era nazista

A direção do Festival Internacional de Cinema de Berlim reconheceu, pela primeira vez, o passado nazista de um de seus fundadores.

Alfred Bauer, primeiro diretor do festival, atuou como conselheiro do Reichsfilmintendanz, órgão criado por Joseph Goebbels em 1942 para controlar a produção cinematográfica na Alemanha nazista.

9eca033b1342474e

Em fevereiro deste ano, a Berlinale encomendou um estudo ao Instituto Leibniz de História Contemporânea, após a mídia alemã revelar a atuação de Bauer junto ao regime nazista.

Segundo um comunicado divulgado pelo festival nesta quarta-feira, a pesquisa comprovou que Bauer se juntou a várias organizações nacional-socialistas a partir de 1933, tendo, inclusive, se tornado membro do Partido Nazista em 1937.

Além disso, o comunicado afirma que, após o fim da 2ª Guerra, Bauer tentou ocultar seu papel no regime por meio de declarações "deliberadamente falsas" e "meias-verdades".

Ele dirigiu o festival entre 1951 e 1976.

2173c7795c374cb5

Alfred Bauer (à esq.) com Walt Disney no Festival de Berlim de 1958 (Getty Images)

"As novas descobertas, agora cientificamente pesquisadas, sobre as responsabilidades de Alfred Bauer no Reichsfilmintendanz e seu comportamento no processo de desnazificação são surpreendentes.

No entanto, eles constituem um elemento importante no processo de lidar com o passado nazista de instituições culturais que foram fundadas após 1945”, disse a diretora executiva da Berlinale, Mariette Rissenbeek.

Ae6b1889fa3b7b7f

O festival já havia decidido abolir o prêmio que levava o nome de Bauer, após a publicação das reportagens que o ligavam à máquina de propaganda comandada por Goebbels.

A partir de 2021, o troféu será transformado em um Grande Prêmio do Júri, integrando a lista de Ursos de Pratas entregues aos melhores filmes.

Com informações da Ag. O Globo