05 de Dezembro de 2020

Literatura

Redação
14:27
22/01/2019

Companhia lança seu primeiro livro com impressão por demanda

Lançar um livro requer investimentos. Um dos maiores deles – se não o maior – é com a impressão. Mas e se imprimisse só depois de vender? Essa é a lógica da impressão por demanda (ou POD, do inglês Print on Demand).

Nesse modelo, o livro só é impresso depois de vendido. Isso favorece o fluxo de caixa da editora e permite manter um livro no mercado, mesmo não tendo ele em estoque.

O que parece ser muito bom para livros de fundo de catálogo pode, às vezes, funcionar para lançamentos. É que está testando a Companhia das Letras com o livro Entre sonhos e tempestades, de Rui de Oliveira.

À venda desde a última sexta-feira (18) em marketplaces como o da Amazon, Mercado Livre e Estante Virtual, o livro é produzido, vendido e entregue na casa do leitor final pela UmLivro, plataforma de POD da Meta.

Direto da gráfica para a casa do leitor: Companhia das Letras lança livro impresso por demanda (Divulgação UmLivro)

“Livros infantis demandam custos de produção altos e o POD surgiu como um caminho para viabilizar esse livro especificamente”, disse Fabiana Roncoroni, gerente de produção da Companhia das Letras.

“A qualidade que o POD se revelou para livros em quatro cores nos surpreendeu. Ficamos muito satisfeitos com a qualidade e, embora o custo tenha sido mais alto [do que se fosse impresso em offset], foi o que tornou esse livro viável, sobretudo nesse momento de crise”, completou.

Outra coisa que Fabiana apontou como vantagens nesse caso foi a operação de venda e logística que é tocada diretamente pela UmLivro. “Sem esses recursos, o POD não atinge todo o potencial que ele tem”, comentou.

A relação entre a Companhia e a UmLivro começou no ano passado, quando a editora resolveu testar a plataforma com o livro Biblioteca à noite, do argentino Alberto Manguel.

Anselmo Bortolin, CEO da Meta, lembra que colocar um lançamento na plataforma não estava no radar da Companhia no começo das conversas.

“Demos segurança e eles comprovaram a nossa qualidade. Isso abriu um grande leque de oportunidades. Estamos muito felizes e acreditamos que vai trazer muitos resultados”, disse orgulhoso ao PublishNews.

Fonte: Publishnews

Compartilhe